14 de mai de 2015

Motivos para amar o Japão - III

Hoje, trago mais alguns motivos do "Por quê amar o Japão?" . Espero que gostem, e não deixem de comentar que motivos os levam a amar esse fascinante e incrível país.

21. Coisas feitas para o povo asiático
Ao contrário do Brasil, que é uma mistura de raças, o Japão possui uma etnia única, no caso a asiática, onde as pessoas compartilham de semelhanças em suas características físicas. Isso fez com que um mundo de coisas sejam feitas apenas para as pessoas de olhos puxados.

22. Dualidades e contradições
O Japão é um dos países mais complexos e que mais carrega dualidades opostas. Talvez esse seja uma das razões que nos atraia tanto para ele. Mas o mais intrigante e apaixonante é perceber como ele é perfeito em conseguir o equilíbrio entre o moderno/tradicional, sofisticação/breguice e simplicidade/complexidade. De alguma forma, tudo isso existe simultaneamente, sem que um interfira na magnitude do outro.

23. Respeito incondicional aos idosos
Uma coisa inspiradora no povo japonês é o respeito que eles tem pelas pessoas idosas. O respeito vai além de ser apenas por causa da idade. É questão de serem mais sábios, e mais experientes. Por causa disso, existe até um dia destinado para eles, o Keiro no Hi, na terceira segunda feira do mês de setembro.

24. As incríveis crianças japonesas
Além de serem “kawaii”, as crianças japonesas são comportadas e educadas. Você pode ir ao supermercado, andar de trem, andar pelo Depato, que dificilmente verá uma criança, se jogando no chão, fazendo birra e dando escândalo. 

25. O brilho das luzes de neon
Se você adora as fachadas luminosas dos Pachinkos, dos brilhos das luzes de neon e das TVs gigantes que funcionam como outdoors no alto dos prédios, então vai encontrar seu lugar no Japão, especialmente nos centros das grandes cidades. Tudo cheira tecnologia e caos, no bom sentido é claro.

26. Músicas japonesas (J-Music)
Mesmo que você não goste das músicas do Japão, não tem como não perceber a forma como eles valorizam suas músicas. Ao contrário do Brasil, onde muitas pessoas deixam de apreciar a boa música popular brasileira (me refiro a MÚSICA de verdade) para ouvir músicas em inglês ou qualquer outro idioma, sem nem ao menos saber do que a música se trata (Não podemos ser hipócritas e dizer que todos sabem inglês, francês, japonês, coreano ou que idioma for, então, dificilmente sabemos realmente do que se trata a letra inicialmente).


Não estou criticando quem gosta de música internacional, até porque eu também estou no "grupo" de fãs de musicas internacionais, apesar que no meu caso estou inserida no grupo de K-Poppers (Fãs do Pop da Coréia do Sul)Estou apenas ressaltando que lá é interessante ver como eles respeitam a música nativa. 

27. Vida noturna
Para quem adora a vida noturna, então vai adorar conhecer Tóquio. Esta cidade nunca dorme: Os bares ficam abertos 24 horas e as ruas vivem sempre lotadas. Impossível se sentir sozinho nesta cidade tão populosa. Os hotéis cápsula, discotecas, bares com karaokê e os internet cafés atendem a uma sociedade que, na verdade, não precisa ir para casa dormir.

28. Privada eletrônica high tech
Apesar do banheiro tradicional de chão ainda ser muito usado no Japão, um sanitário high tech não é considerado luxo e a maioria dos domicílios já têm este tipo de vaso sanitário. Dentre as principais características desses vasos, são o assento aquecido e a ducha eletrônica para lavar as partes íntimas.

29. Sistema de entrega “Takyubin”
No Japão existem varias transportadoras japonesas que oferecem esse serviço de entrega de encomendas ou cartas. As mais conhecidas é a kuroneko, Sagawa e a Pelican. Esse sistema é barato e super prático, porque podemos enviar encomendas até de lojas de conveniências, que como sabemos, existem aos montes no Japão. Esse tipo de serviço, assim como o Correio japonês, são muito eficientes e chegam rápido, na maioria das vezes no dia seguinte após o envio.

30. Lojinhas de 100 ienes (Hyakuen Shop)
Os 100yen Shop são lojinhas equivalentes às lojas de R$1,99 no Brasil. Lá pode-se encontrar de tudo para equipar uma cozinha, além até de peças de vestuário, cosméticos, papelaria. Além de serem baratos (a maioria das coisas custa somente Y$100), os produtos são relativamente de boa qualidade. Nas prateleiras encontramos desde comida a gravatas e calcinhas.
Fonte: Japão em Foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

http://static.tumblr.com/xpo2exu/BA1n2ccke/cred.png