31 de dez de 2013

Because I Love You?



Cada história em particular é movida por ensinamentos, aprendizados e experiências adquiridas. Existem pudores que precisam ser respeitados, existem dramas que precisam ser expostos, existem palavras que não precisam ser ditas e lágrimas que tem de ser derramadas. É necessário entrar no universo do outro respeitando os limites, os sinais vermelhos, a hora de voltar.




CAPÍTULO ÚNICO


Hesitei... fui fraca, totalmente, e absolutamente fraca... eu deveria ter falo tudo que estava entalado em meu coração, tudo que merecia ouvir... mas, não... fiquei com medo, medo de perde-lo de vez, medo de não ser correspondida, medo de sofrer... mas, aquela pergunta soa mais forte em meus pensamentos.. aquela maldita pergunta que fizeste pra mim: "Porque você me ama?" e eu, simplesmente não disse nada... eu deveria ter contado os milhares de motivos por ama-lo.... mais não... o que fiz? sai do quarto aonde você se encontrava e fui embora para minha casa chorando... e-e-eeu... não podia te contar.. não naquele momento...


A pergunta soava mais forte em meus pensamentos, não consegui dormir eu o via em meus pensamentos fazendo aquela mesma pergunta milhares de vezes: "PORQUE VOCÊ ME AMA?", eu queria simplesmente enterrar tudo... meus sentimentos, minhas dores, minhas angustias, meus medos, meus pesadelos, mas, o que poderia fazer, se... a pessoa a qual me ajudava a superar tudo isso, era, justamente a causadora de tudo agora... 

 Olhei ao lado e havia uma pequena foto nossa no criado-mudo... Na foto meu sorriso era sincero e o seu olhar tinha um brilho admirável, juntamente com aquela cara de bobos que fazíamos só pra irritar nossos pais. E a pergunta incomodava mais ainda meus pensamentos, quando que por um momento eu parei... parei e decidir me deixar levar pelo momento, pelo sentimento que me confortava e acalmava naquele instante... e recordações me cercaram a mente, lembrei do passado e de tudo que vivemos juntos, lembrei das inúmeras vezes que reclamei para você o fato dos meus romances não darem certo, e inacreditavelmente, reclamei tanto e hoje agradeço por nenhuma delas ter durado... acho, que seu apoio me ajudou a superar tudo, pego um álbum de fotografia na gaveta do criado-mudo, começo a folhear. E talvez seja esse o começo para aquela pergunta que me castigava por um resposta.... VOCÊ... 

Na primeira foto do álbum estávamos em um parque, você deitado em meu colo e olhávamos para as estrelas... eu sentia como se estive-se realmente lá, levantei da cama com o álbum em mãos e fui até a janela, olhei pro céu e pude perceber que a resposta para aquela duvida era obvia... se eu não o amasse, não iria ver o quanto as coisas são lindas,  se não fosse por você eu não teria olhado para a lua, só para poder ver o que você via sempre que estávamos separados, ou, o que você esta vendo nesse exato momento. Você me fazia ver o mundo diferente, de uma maneira melhor, mais viva... mais real e feliz, e por isso estávamos sempre juntos, conversando, brincando, brigando ou até mesmo discutindo...  você sempre me fez bem, sempre foi meu melhor amigo...

O seu jeito bobo, quieto e inquieto. Seu jeito de tentar enganar seus sentimentos, que o faz mais lindo do que o normal.. seu sorriso que me encanta e me acalma... eu amo... amo quando você me segura, me irrita, me chama de chata, ou, quando conta piadas sem graça... mesmo assim eu o amo. Apesar de raramente me contar sobre sua vida, apesar de sermos melhores amigos, quando você o faz.. me sinto a pessoa mais importante do mundo, mesmo que você me conte sobre suas aventuras e me deixe irritada, fico feliz em saber.

“Porque é em você que eu penso desde quando deito a cabeça no travesseiro pra dormir, até quando levanto da cama pra iniciar mais um dos meus dias. É sempre assim, você, você e você. Mas o que faz meu coração de tão importante que não assume logo que te quer? Afinal, é o cérebro concluindo sua missão de me proteger ou só o orgulho dominando-o?”

Você tem um olhar lindo, e é perfeito pra mim.  Você não dá muito valor para o que as pessoas falam, o que te faz mais incrível aos meus olhos. Você não assume o ciúmes. Você é carente e forte. Você  faz as coisas serem tão sinceras, faz cada dia valer a pena, faz cada momento ao seu lado ser bom. Você é tão único. Você se acha feio, e é um idiota por achar isso. Você me completa de um jeito que eu não consigo explicar, apesar de não saber disso, e possivelmente eu nunca ter coragem de te contar.... Você, apesar de fazer coisas erradas, faz muita coisa certa...  mas, não consigo entender como alguém tão inteligente para algumas coisas não percebe o mais obvio possível... 

Porque te amo? Pelo fato de você me fazer ficar acordada até tarde pensando em você, em quando ou como irei te ver, se esta ou não namorando, se estarei do seu lado.. ou, em milhares de formas de me declarar... mas, por ser uma burra, fraca e medrosa... não consigo falar que os "EU TE AMO" que vivo falando pra ti, não é um eu te amo de amiga... é, de uma mulher que quer esta para sempre do seu lado.

Você me fez descobrir o que é amar, apesar de não ser correspondida... me mostrou que, no fim do túnel se pode achar alguém pra contar em todos os momentos. Você sempre me escutou em silencio e isso é confortante, quando eu chorava, você secava minhas lagrimas e beijava minha testa e então eu ficava bem. 
Você é uma pessoa maravilhosa... Você é engraçado, inteligente, amigo, fiel e companheiro. Você é tudo pra mim.. as lagrimas que tentava evitar já começavam a cair... Você, simplesmente se tornou minha vida, e juro que eu não esperava isso, pra ser franca, eu nunca quis isso.. foi um erro ter me apaixonado por ti...  as lágrimas já percorriam todo o meu rosto quando o telefone tocou, era o numero dele... recuei um pouco, mas, atendi...  e não era ele, era sua mãe que estava chorando incontrolavelmente, ela não conseguia falar corretamente, suas frases eram contadas pelos soluços do choro, mas, entendi a parte que dizia: "Ele se foi, temos que ser forte".. meu coração gelou, o que ela queria dizer com isso? Juntei minhas forças e sai correndo do quarto, meus pais se assustaram, eu estava com os olhos levemente avermelhados e com o telefone na mão, eles me perguntaram o que tinha acontecido, só consegui os pedi para me levarem até meu anjo... eles assim o fizeram, meu coração batia cada vez mais devagar, e o clima sombrio que aquele quarto de hospital estava tendo só fazia meu estomago embrulhar mais, tinha acontecido alguma coisa... varias pessoas estavam chorando rodeando a cama aonde ele estava horas atrás, meu coração não batia mais nessa altura, e quando as pessoas se afastaram para que eu pudesse passar, era melhor que ele parece de bater de uma vez... ele estava lá, deitado na cama sem vida... ele tinha ido embora... ele tinha me abandonado, ele tinha partido sem saber que eu o amava... não conseguir controla as lágrimas.. chorei, chorei como se minha vida dependesse disso, chorei como se com elas pudesse o trazer de volta... sua mãe vendo meu desespero, veio em minha direção e me abraçou, dizendo: "Ele também te amava da mesma forma, não chore pequena"...  minhas pernas perderam completamente as forças e despenquei, só não cai completamente no chão porque ela ainda estava abraçada a mim, ela me pediu pra ser forte, pois era o que ele também iria querer... assenti pra ela, e tentei dar um sorriso, mas, o sofrimento que me abatia era mais forte.. eu burrei em não ter o contado meus sentimentos, e agora... é impossível ele saber disso... contudo, eu ainda preciso responde-lo “Porque eu te amo?”, mas, terei que esperar para faze-lo em outra vida! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

http://static.tumblr.com/xpo2exu/BA1n2ccke/cred.png